Prefeitura de Guaçuí
search

Ponte provisória do Exército chega a Guaçuí para ser instalada na BR482

O comboio composto por carretas bi-trem e outros veículos chegou ao município na tarde desta segunda

O comboio do Exército chegou a Guaçuí, mas isso só foi possível depois de trabalho em parceria de Prefeitura e Dnit. (Divulgação)
O comboio do Exército chegou a Guaçuí, mas isso só foi possível depois de trabalho em parceria de Prefeitura e Dnit. (Divulgação)

Publicado em 08/04/2019 as 17:45 (Atualizado em 26/05/2019 as 11:04), postado por Comunicação Guaçuí , Fonte: Prefeitura de Guaçuí

Um comboio do Batalhão de Engenharia do Exército – composto por carretas bi-trem e outros veículos – chegou a Guaçuí na tarde desta segunda-feira (8), vindo do Rio de Janeiro, trazendo a ponte móvel que será instalada ao lado da Ponte do Aésion, na BR482. A ponte foi interditada no dia 25 de fevereiro, pelo Dnit e, desde aquela data a instalação de uma ponte metálica do Exército vinha sendo discutida e trabalhada pelo órgão federal, os militares e a Prefeitura de Guaçuí que colocou equipes e máquinas para que a ação se concretizasse.

A situação da ponte foi constada pela Defesa Civil de Guaçuí, na noite do dia 25, o que foi comunicado ao Dnit, o qual determinou sua interdição de forma preventiva, de início, e depois de forma oficial, após enviar técnicos que confirmaram os problemas na estrutura que poderiam provocar o desmoronamento. A partir daí, a Prefeitura de Guaçuí realizou serviços, por meio das Secretarias Municipais de Agricultura e de Obras, de terraplanagem, melhorias e alargamento numa estrada vicinal que está sendo utilizada como desvio do tráfego que passava pela ponte, na BR482, desde então, o que acabou trazendo problemas para os bairros onde passa o fluxo de veículos, principalmente, os pesados. Tráfego pesado este que a Prefeitura tentou impedir, por meio de bloqueios que foram, todo tempo, retirados pelos motoristas de carretas e caminhões.

Após isso, se manteve um contato constante do Dnit com a Prefeitura de Guaçuí, para que uma solução fosse agilizada, para que se normalizasse o tráfego de veículos pela rodovia federal. E num primeiro momento, o órgão responsável informou, então, a possibilidade de ser instalada uma ponte provisória do Exército, até que a ponte de concreto seja recuperada. E no domingo de Carnaval, 3 de março, uma equipe do Batalhão de Engenharia do Exército esteve no município, quando foi recebida pela prefeita Vera Costa. Ela coordenou as providências a serem tomadas para que os militares sejam instalados e possam realizar os serviços, inclusive, intermediando o contato com o Corpo de Bombeiros que irá alojar o pessoal do Exército.

Depois disso, equipes do Dnit estiveram em Guaçuí, constantemente, para definirem onde seria instalada a ponte do Exército, inclusive, com a presença de outra equipe de militares que fez as medições e disse o que seria preciso para a instalação do equipamento, sempre contando com o apoio do Secretário Municipal de Obras de Guaçuí, Marcello Lougom Rodolfo, do secretário municipal de Agricultura, Edielson Rodrigues, e o coordenador da Defesa Civil de Guaçuí, Joilson Wagner da Costa. A partir dessa definição, a Prefeitura de Guaçuí colocou equipes e máquinas para a realização dos serviços necessários, visando a instalação da ponte provisória, junto com a empresa contratada pelo Dnit – que foi responsável pela sondagem de solo.

Foram realizados serviços de retirada de cercas, poda de vegetação e mudança de cabos de energia – o que contou com o apoio da Escelsa. Em seguida, foi feita a terraplanagem – o que contou também com o apoio da Prefeitura de Dores do Rio Preto que enviou uma máquina, para a construção da base e a abertura da área em que irá acontecer a montagem da ponte do Exército.

Logo, foi um trabalho feito em parceria entre a Prefeitura de Guaçuí e o Dnit, durante mais de 40 dias, tendo como principal objetivo voltar com o tráfego pela BR482, para tirar o tráfego de dentro da cidade, além do trecho ser de vital importância para o trânsito de moradores de Guaçuí e região. “Nos empenhamos, desde o primeiro dia da interdição da ponte, na BR482, colocando tudo que estava a nosso alcance, para colaborar com o Dnit, visando uma solução rápida, porque a ponte é muito importante para nosso município e toda a região e, principalmente, para tirar o fluxo de veículos pesados e intenso que está passando por dentro de bairros de nossa cidade, provocando prejuízos para cidadãos e para a Prefeitura, além de colocar em risco quem mora nesses locais”, afirma a prefeita Vera Costa. “Por isso, estamos muito felizes em ver que o comboio do Exército chegou e vai iniciar a instalação da ponte provisória, esperando, também, que ponte definitiva seja recuperada rapidamente”, completa.

A ponte provisória do Batalhão de Engenharia do Exército, segundo informações do Dnit, deve levar de 10 a 15 dias para ser montada, o que depende muito das condições meteorológicas. E depois de montada, deve permanecer no local atá a recuperação da ponte interditada, na BR482.

Informações para a imprensa
Superintendência de Imprensa Oficial

(28) 3553-1387

Marcos Freire

comunicacao@guacui.es.gov.br

www.guacui.es.gov.br

www.facebook.com.br/prefeituradeguacui

www.youtube.com/prefeituradeguacui

www.twitter.com/guacui_gov

FOTOS



MAIS NOTICIAS
Prefeita visita local de montagem de ponte provisória do Exército

há 41 dias

Prefeita visita local de montagem de ponte provisória do Exército

A prefeita Vera Costa colocou que o município continua à disposição – como fez até agora – para que os serviços corram com tranquilidade e rapidez


Árvores da Beira Rio são podadas para receber nova iluminação

há 53 dias

Árvores da Beira Rio são podadas para receber nova iluminação

O serviço foi realizado pela empresa responsável, com apoio das Secretarias Municipais de Meio Ambiente e de Obras, Infraestrutura e Serviços Públicos


Realizada solenidade que dá nome à Praça Zilá Vieira de Gouvêa

há 62 dias

Realizada solenidade que dá nome à Praça Zilá Vieira de Gouvêa

Com a presença de filhos da homenageada, Prefeitura realizou solenidade para oficializar nomeação da praça


“Dessa vez falaram que iam fazer e fizeram”

há 74 dias

“Dessa vez falaram que iam fazer e fizeram”

A declaração é de um dos moradores do bairro Antônio Francisco Moreira que receberam as Certidões de Regularização de seus imóveis nesta terça em Guaçuí


Certidões de Regularização Fundiária serão entregues nesta terça

há 76 dias

Certidões de Regularização Fundiária serão entregues nesta terça

Moradores da 2ª e 3ª etapas do bairro Antônio Francisco Moreira vão receber as Certidões na noite desta terça-feira (12)


Começou ação conjunta para combate a focos do mosquito da dengue

há 137 dias

Começou ação conjunta para combate a focos do mosquito da dengue

Equipes das Secretarias de Obras e de Saúde estão trabalhando em conjunto no combate contra a dengue em Guaçuí


Adutora antiga é recuperada e abastecimento de água começa a normalizar

há 163 dias

Adutora antiga é recuperada e abastecimento de água começa a normalizar

Até a noite desta sexta-feira, o abastecimento de água deverá estar normalizado em toda a cidade de Guaçuí


Prefeitura intensifica serviços de limpeza e jardinagem para fim de ano

há 163 dias

Prefeitura intensifica serviços de limpeza e jardinagem para fim de ano

As equipes de Jardinagem, do Meio Ambiente, e de Limpeza Pública, de Obras, intensificaram ações para manter a cidade ainda mais limpa e bonita


SAAE recupera adutora nova e trabalha no conserto da antiga

há 164 dias

SAAE recupera adutora nova e trabalha no conserto da antiga

As equipes do SAAE de Guaçuí conseguiram consertar a adutora nova que abastece a cidade e continua trabalhando para consertar o rompimento da mais antiga


Chuva provoca rompimento de adutora de água em Guaçuí

há 165 dias

Chuva provoca rompimento de adutora de água em Guaçuí

O SAAE comunicou o rompimento de adutora que abastece a Estação de Tratamento de Água de Guaçuí e pede que a população economize água




Aguarde, enviando dados!

clear